Anvisa proíbe fabricação e venda de dois tipos de chás por irregularidades

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a fabricação, comercialização e distribuição de dois tipos de chás que apresentavam irregularidades. De acordo com resolução publicada no Diário Oficial da União, foram interditados todos os lotes do chá de alcachofra e o lote 02917 do chá de camomila da marca Chileno Chás e Ervas, fabricados pela empresa Laboratório Industrial Vida e Saúde Ltda. O chá de alcachofra foi proibido por conter alcachofra (Cynara scolymus L.) na composição, já que o vegetal não é autorizado pela legislação de alimentos para o preparo de chás. Já o produto à base de camomila apresentou presença de insetos vivos e mortos, segundo Laudo de Análise Fiscal Definitivo emitido pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (Lacen-SC). A empresa deve recolher todo o estoque existente no mercado. (BN)

Procurar Notícias

©Site fundado em 15/01/2013 - Por: *Valter Egí - Todos os direitos reservados à Feira News*