Acusados de agressão em frente ao Instituto Lula, ex-vereador e filho são presos

Ex-vereador de Diadema, Manoel Eduardo Marinho (PT), conhecido como Maninho, e o filho dele, Leandro, se entregaram à polícia hoje (16). Eles tiveram a prisão preventiva decretada por tentativa de homicídio pela agressão a um empresário em frente ao Instituto Lula, na Zona Sul da capital paulista, no dia 5 de abril. O pedido de habeas corpus da dupla foi negado pela Justiça de São Paulo na última segunda-feira (14). Pai e filho se entregaram na delegacia do Mercado Municipal, na região central da cidade, e foram levados para o Departamento de Capturas e Delegacias Especializadas (Decade). Depois que fizeram exame no IMl, devem seguir para penitenciária em Tremembé, no interior paulista. (M1)

Procurar Notícias

©Site fundado em 15/01/2013 - Por: *Valter Egí - Todos os direitos reservados à Feira News*