Travesti filmada com Alexandre Borges perde causa de R$ 30 mil

A 14ª Câmara Cível do Rio negou à travesti Kethelen Myller, identificada como Luciano Vicente, uma indenização de R$ 30 mil em ação movida contra Nilson Sampaio, administrador de um dos sites que veicularam fotos em que ela aparece no colo do ator Alexandre Borges. O vídeo, em que o artista aparece com duas transexuais em um quarto de hotel circulou na internet em 2016. “Não entendi muito bem uma coisa assim ser um escândalo. Era uma coisa de pessoas tomando uma cerveja. Eu estava me divertindo, me descontraindo, uma coisa supernatural. Nada pesado”, disse Alexandre, à época, ao jornal Folha de São Paulo. E prosseguiu: “Não me preocupei em saber que gênero era, que raça era, que partido era… Não tem isso (…) Sou um cara humanista, de esquerda, vamos dizer assim, que acredita que cada um tem o direito de fazer o que quiser da vida”. (M1)

Procurar Notícias

©Site fundado em 15/01/2013 - Por: *Valter Egí - Todos os direitos reservados à Feira News*