Previdência: Bolsonaro já admite mudança na idade mínima para mulheres

Pela primeira vez desde que entregou o texto da reforma da Previdência ao Congresso, o presidente Jair Bolsonaro admitiu, nesta quinta-feira (28), rever a idade mínima para a aposentadoria de mulheres, de 62 para 60 anos. "Eu acho que dá para cortar um pouco de gordura e chegar a um bom termo, o que não pode é continuar como está [o déficit na Previdência]", disse Bolsonaro, de acordo com informações do portal Uol. Outros pontos que também podem ser mexidos são o Benefício de Prestação Continuada, que é pago a idosos de baixa renda, e a porcentagem da pensão por morte, que poderia passar de 60% para 70%. O presidente também voltou a dizer que o país precisa da reforma. "Há interesse de todo mundo em aprovar. O Brasil pode entrar em uma situação muito complicada", destacou. (Noticias ao Minuto)

Procurar Notícias

©Site fundado em 15/01/2013 - Por: *Valter Egí - Todos os direitos reservados à Feira News*