Repórter Vesgo ganha processo contra Netinho de Paula; humorista foi acusado de racismo

Rodrigo Scarpa, conhecido por ter feito parte do programa “Pânico” como Repórter Vesgo, ganhou uma segunda disputa na Justiça contra o apresentador e cantor Netinho de Paula. O comediante havia sido acusado em 2014 de racismo por parte de Netinho, durante uma entrevista ao programa de Rafinha Bastos. O pagodeiro se referia a uma briga que culminou em agressão ao humorista no ano de 2005. 

De acordo com o Notícias da TV, conforme decisão da 23ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo, Netinho terá que indenizar Scarpa em R$ 18 mil. O valor a ser pago não será a primeira indenização do apresentador para Rodrigo, já que em uma ação anterior, concluída em 2010, ele teve que pagar a Vesgo R$ 45 mil por ter desferido um soco na orelha do humorista. 

Tudo aconteceu durante cobertura do “Pânico” do Troféu Raça Negra, que acontece no Dia da Consciência Negra. Vesgo, que na época integrava a atração exibida pela “Rede TV!”, questionou de Paula estaria inaugurando um novo canal “para todo mundo, pra todas as pessoas assistirem”. Percebendo o duplo sentido com a pergunta, Netinho ficou visivelmente aborrecido e estimulado pelos companheiros partiu para cima de Rodrigo Scarpa. 

No documento referente segunda ação, o humorista alega que Netinho o “difamou em rede nacional, sugerindo que fosse uma pessoa racista”. Além disso, conforme o desembargador responsável pela relatoria do caso, “houve calúnia, pois o autor [Scarpa] foi acusado publicamente de um crime que não cometeu, atingindo sua honra objetiva”.

Procurar Notícias

©Site fundado em 15/01/2013 - Por: *Valter Egí - Todos os direitos reservados à Feira News*