5 dicas e truques na hora de tirar a cutícula

Apesar de servir como uma barreira de proteção natural do corpo, a cutícula causa certo incômodo quando cresce em excesso ou fica com aspecto desidratado. Por isso, o hábito de tirá-las com alicate quando se faz as unhas ainda é muito comum, especialmente entre as brasileiras.

Mesmo assim, o processo está longe de ser fácil. Separamos algumas dicas para te ajudar e evitar os machucados e os famosos “bifes”, mantendo as unhas saudáveis. Confira:
1) Hidrate bem

Se a cutícula estiver ressecada, é quase impossível limpar a região com o alicate sem machucar os dedos. Por isso, uma das principais dicas é hidratar suas cutículas diariamente com um creme ou uma cera específicos para a área. Se não gostar da sensação do produto nas mãos, aproveite para aplicar antes de dormir.

No dia em que for fazer as unhas, aplique um amolecedor mais potente depois de retirar o esmalte e deixe agir por, no mínimo, cinco minutos. Quando as pelinhas já estiverem bem moles, empurre com cuidado com a espátula para desgrudá-las da unha e facilitar o trabalho com o alicate.
2) Faça movimentos do canto em direção ao meio

Para evitar “bifes”, faça movimentos muito gentis com o alicate e tente manter a mão o mais leve possível. Se você tiver prática, pode até ser que consiga fazer um movimento contínuo com o alicate de um canto da unha ao outro, mas é comum que assim o alicate “picote” a cutícula e machuque os cantinhos.

O jeito mais fácil de evitar que isso aconteça é começar de um dos cantos da unha e ir até o centro, repetindo o mesmo movimento do outro lado, com calma. Também tome cuidado e use o alicate sempre na horizontal, sem deixar a pontinha muito para baixo, o que pode acabar em um corte.
3) Tire apenas o excesso

Como as cutículas servem para proteger as unhas, o ideal é sempre tirar o mínimo possível. Quem ainda não consegue parar de tirar as pelinhas por completo deve fazer a limpeza de forma bem superficial, sem afundar muito a espátula e nem o alicate, mantendo assim um pouco da proteção necessária para as unhas e dedos.

Outro ponto é importante é na hora de limpar os cantinhos depois de pintas as unhas. Evite passar o palito em volta da unha com muita força, o movimento machuca e, repetidamente, pode até enfraquecer as unhas.
4) Esterilize os materiais

Mesmo quem faz as unhas em casa deve se preocupar com a limpeza e higiene dos instrumentos. Antes e depois de fazer as unhas, lave o alicate e a espátula com água e sabão, seque bem e passe um pouco de álcool. Se preferir, deixe os utensílios de molho em água morna.

Além disso, nunca compartilhe esses instrumentos, pois o risco de contaminação é alto. Após alguns meses de uso, compre um novo alicate pois o mau funcionamento pode influenciar na retirada em excesso da pele, causando machucados.
5) Não retire as cutículas com tanta frequência

Depois de fazer as unhas, guarde o alicate. Sempre dê um tempo para a cutícula crescer e não fique tirando qualquer pelinha que apareça. Também evite ficar mexendo nos cantinhos com as próprias unhas ou com os dentes porque os machucados abertos são porta de entrada para fungos que podem causar doenças.

O ideal é esperar 15 dias para recorrer ao alicate de novo. Enquanto isso, continue hidratando para manter a boa aparência. (Claudia)

Procurar Notícias

©Site fundado em 15/01/2013 - Por: *Valter Egí - Todos os direitos reservados à Feira News*