Em uma semana, TCU condena três ex-prefeitos baianos a pagar R$ 1,6 mi em multas

No período de uma semana o Tribunal de Contas da União condenou três ex-prefeitos baianos a pagar cerca de R$ 1,6 milhão em multas e ressarcimentos por irregularidades em contratos financiados com recursos do governo federal. A informação é da coluna Satélite do Correio.

O ex-gestor de Cipó Jailton Macedo (PT), cujos mandatos foram de 2005 a 2012, terá que devolver a maior quantia, de R$ 570 mil, referentes a repasses da Caixa Econômica para a construção do sistema de drenagem sustentável no município, além de mais R$ 315 mil em Itas.

Já Maria Edneide Torres Pinto, que foi eleita pelo DEM em 2008 na cidade de Araci, precisa pagar um total de R$ 272,6 mil. 

O caso mais antigo é de 1998, do ex-prefeito de Piraí do Norte Edivaldo Manoel, membro PTB à época. Ele foi denunciado pelo Ministério Público Federal por receber R$ 163 mil da Fundação Nacional de Saúde para construir sistema de esgotamento sanitário, mas o dinheiro entregue não foi compatível com a estrutura final do projeto.

Procurar Notícias

©Site fundado em 15/01/2013 - Por: *Valter Egí - Todos os direitos reservados à Feira News*