PRB-BA tem contas eleitorais de 2018 rejeitadas e terá que devolver R$ 317 mil aos cofres públicos

As contas das eleições de 2018 do PRB (Partido Republicano Brasileiro) na Bahia foram rejeitadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), que aponta ter identificado aplicação irregular de recursos do fundo especial para campanhas, determinando a devolução de R$ 317.955,61 aos cofres públicos.

O valor a ser devolvido é equivalente a 31% de tudo o que as campanhas do PRB gastaram. À época a legenda era presidida pela ex-deputada federal Tia Eron.

Decisão foi publicada nesta sexta-feira (26), Diário de Justiça do TRE-BA.

Procurar Notícias

©Site fundado em 15/01/2013 - Por: *Valter Egí - Todos os direitos reservados à Feira News*